Governador nomeia diretor-presidente e três novos conselheiros da FAPESP

Pesquisa FAPESP em 6/10/15

Da Agência FAPESP

notcont71903

José Arana Varela foi reconduzido à presidência do CTA da Fundação

José Arana Varela foi reconduzido ao cargo de diretor-presidente do Conselho Técnico-Administrativo (CTA) da FAPESP pelo governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin. Três novos membros do Conselho Superior da Fundação também foram nomeados: Carmino Antonio de Souza, João Fernando Gomes de Oliveira e Pedro Wongtschowski. A recondução e as nomeações foram publicadas no Diário Oficial do Estado de São Paulo do dia 6 de outubro.

José Arana Varela é professor titular do Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Araraquara, e pesquisador principal e coordenador em Inovação do Centro Multidisciplinar de Desenvolvimento de Materiais Cerâmicos, um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) da FAPESP. Físico, doutor em Materiais Cerâmicos pela Universidade de Washington, Varela é membro do Conselho Superior de Inovação e Competitividade da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e da Sociedade Brasileira de Física. É fellow da American Ceramic Society e membro da Materials Research Society, ambas nos Estados Unidos. Foi diretor-presidente do CTA da FAPESP de 2012 a fevereiro de 2015 e membro do Conselho Superior da Fundação de 2004 a 2010, ocupando a posição de vice-presidente entre 2007 e 2010. Seu nome encabeçava a lista tríplice encaminhada pelo Conselho Superior da Fundação ao governador.

Cármino-Antonio-de-Souza-20
Carmino Antonio de Souza
, secretário Municipal de Saúde de Campinas, é professor titular do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Obteve graus de doutor e livre-docência pela Unicamp e pós-doutorado no Departamento de Hematologia da Universidade de Genova/Itália. Suas áreas de pesquisa são: onco-hematologia, com maior interesse em linfomas agressivos e leucemia mieloide crônica, e transplante de medula óssea.

jgomes-e1444151659427-288x300

João Fernando Gomes de Oliveira é engenheiro mecânico, professor titular da Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo (USP) e membro titular da Academia Brasileira de Ciência (ABC). Pós-Doutorado pela University of California, Berkeley, foi diretor-presidente do Instituto de Pesquisa Tecnológica (IPT) e diretor presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Emprapii). Em 2010, recebeu o Prêmio FCW na Categoria Ciência Aplicada da Fundação Conrado Wessel.

pedro-e1444151686186-273x300

Pedro Wongtschowski é engenheiro químico, mestre e doutor em Engenharia pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. É presidente do Conselho de Administração do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), presidente do Conselho de Administração da Embrapii, presidente do Conselho Superior da Associação Nacional de Pesquisa, Desenvolvimento e Engenharia das Empresas Inovadoras (Anpei) e membro do Conselho de Administração do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE). É conselheiro do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial (IEDI) e membro do Comitê Gestor da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI-CNI) Foi diretor superintendente da Oxiteno e presidente da Ultrapar Participações.

O Conselho Superior da FAPESP tem 12 membros, com mandato de seis anos. Seis deles são de livre escolha do governador do Estado e os demais são indicados por ele a partir de listas tríplices eleitas pelas universidades estaduais paulistas e pelas instituições de ensino superior e pesquisa, públicas e particulares, sediadas no Estado de São Paulo.

O Conselho Superior da FAPESP é presidido por José Goldemberg, presidente da Fundação, e formado por Eduardo Moacyr Krieger (vice-presidente), Fernando Ferreira Costa, João Grandino Rodas , José de Souza Martins, Maria José Soares Mendes Giannini, Marilza Vieira Cunha Rudge, Pedro Luiz Barreiros Passos e Suely Vilelaaos quais se juntarão agora os três novos conselheiros.

O CTA da Fundação constitui sua diretoria executiva, formada pelo presidente, Varela, pelo diretor científico, Carlos Henrique de Brito Cruz, e pelo diretor administrativo, Joaquim José de Camargo Engler. Com mandatos de três anos e possibilidade de reeleição, os diretores são indicados pelo governador, a partir de listas tríplices elaboradas pelo Conselho Superior.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone