Cientistas brasileiros conseguiram reproduzir pela 1ª vez imagens de neurônios em 3D

Publicado em 16/08/2018 – Jornal da Band em 16/08/2018 Cientistas brasileiros conseguiram reproduzir pela 1ª vez imagens de neurônios em 3D. A visualização, possível a partir de um acelerador de partículas, pode ajudar em estudos sobre doenças degenerativas, como Parkinson e Alzheimer. Clique aqui e assista a reportagem na íntegra.

CNPEM receberá comitês científicos

Publicado em 15/08/2018 – Assessoria de Comunicação em 15/08/2017 O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) e seus quatro Laboratórios Nacionais receberão seus comitês científicos nos meses de agosto e setembro deste ano. Trinta e dois profissionais de instituições de pesquisa e empresas do Brasil e do exterior compõem estes grupos de trabalho. Os comitês avaliam […]

Descoberta de água líquida em Marte conta um pouco mais da história do planeta

Publicado em 09/08/2018 – Jornal da CBN – Entrevista em 29/07/2018

Doutor em astronomia, pesquisador de astrobiologia do Laboratório Nacional de Luz Síncrotron e associado ao Núcleo de Pesquisa em Astrobiologia da USP, Douglas Galante avalia, no entanto, que os avanços na pesquisa sobre as característica dessa água ainda vão demorar, porque ela está 1,5 quilômetro abaixo da calota polar e não há equipamento disponível para acessá-la nessa profundida.

Ouça aqui a entrevista

Radar encontra evidências de água líquida em Marte. Foto: ESA/ATG medialab; Mars: ESA/DLR/FU Berlin, CC BY-SA 3.0 IGO

Isolantes topológicos – Novos materiais e novas perspectivas tecnológicas!

Publicado em 09/08/2018 – O Globo – Blogs em 31/07/2018 Prof. Adalberto Fazzio Diretor do Laboratório Nacional de Nanotecnologia – CNPEM e pesquisador do INCT Nanocarbono É fantástico acompanhar como se dá o desenvolvimento da ciência e da tecnologia. Vou citar aqui um caso bem recente, talvez seja uma das grandes inovações na área de materiais, os Isolantes Topológicos. Até pouco tempo cientistas […]

Cola verde descoberta ‘ao acaso’ em Campinas

Publicado em 09/08/2018 –

Um adesivo descoberto ao acaso, 100% natural, produzido com a mistura de borracha natural e materiais presentes no eucalipto e bagaço de cana-de-açúcar, foi patenteada pelo Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais(CNPEM), de Campinas (SP). De acordo com a pesquisadora Rubia Figueredo Gouveia, a “cola verde” une diferentes tipos de materiais, como madeiras, vidros e metais, e sua aplicação atende demandas das indústrias de papel, papelão e derivados, têxtil, automobilística, aeroespacialidade e construção civil, entre outras.