Físico gaúcho vai comandar Ceitec

Publicado em 30/07/2010

30/07/2010, em Zero Hora

Cylon Gonçalves da Silva, de Ijuí, assumirá lugar do alemão Eduard Weischselbaumer

Gaúcho de Ijuí, o físico Cylon Gonçalves da Silva, 63 anos, será o novo presidente da Ceitec, fabricante de chips instalada em Porto Alegre. Com a posse marcada para quarta-feira, o cientista irá ocupar o lugar do alemão Eduard Weichselbaumer, exonerado há 15 dias. Colegas e amigos entendem que Cylon não terá dificuldades para lidar com as amarras da administração estatal, apontada como uma das causas da saída do ex-presidente. Além de gestor competente, é conhecido por conseguir o engajamento das equipes que comanda. –

O Cylon sabe trabalhar sob condições burocráticas rígidas e questões como atraso de recursos – observa Rui Albuquerque, assessor de relações institucionais do Laboratório Nacional de Luz Síncrotron, projeto que o físico montou em Campinas (SP). – É um cientista de reconhecimento internacional. Não teria nome mais adequado à Ceitec – acrescenta o presidente do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), Rogério Cerqueira Leite.

Com passagens pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e pelo Ministério de Ciência e Tecnologia, professor Cylon, como é conhecido, era coordenador adjunto da Diretoria Científica da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). Na instituição, estava à frente de projetos especiais como formação de jovens pesquisadores, pesquisas na área de nanociências e iniciativas de apoio ao fortalecimento da infraestrutura de laboratórios.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone