Encontro da Escola Brasileira de Química Verde recebe resumos até sexta-feira

Publicado em 25/09/2015
MCTI, em 21/09/2015.

 

Até sexta-feira (25), é possível se inscrever para a sessão de pôsteres do 5º Encontro da Escola Brasileira de Química Verde. Alunos de pós-graduação que submeterem trabalhos para serem apresentados na sessão de pôsteres concorrerão ao Prêmio Professor Arikerne Sucupira, que concederá R$ 5.000 ao melhor trabalho. Os interessados devem encaminhar resumo expandido.

Promovido em parceria com o Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE), o encontro será realizado nos dias 19 e 20 de outubro de 2015, em Campinas (SP). Tem como objetivo discutir temas relacionados ao processamento químico e biotecnológico da biomassa lignocelulósica e suas correntes de processo.

Sessões plenárias e mesas-redondas buscarão apresentar e debater as visões da iniciativa privada, do governo e da academia sobre a temática da química verde. Haverá também sessões técnico-científicas e apresentação de pôsteres sobre pesquisas ligadas ao tema.

Os tópicos a serem discutidos no evento são: “Iniciativas de apoio e estratégias de governo para o desenvolvimento da química verde no Brasil”, “Processamento químico da biomassa lignocelulósica”, “Uso de matérias-primas renováveis na estratégia de desenvolvimento das empresas” e “Tecnologias baseadas em bioprocessos”.

As inscrições para participação no Encontro seguem até 2 de outubro.

Sobre o CTBE

O CTBE é um dos quatro laboratórios associados ao Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), organização social supervisionada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). O objetivo do Centro é realizar pesquisa e desenvolvimento tecnológico de excelência na área de biocombustíveis. Aberto a usuários externos, ele foi inaugurado em 2010 com o objetivo de contribuir para a competitividade brasileira na produção e conversão industrial de biomassas em combustíveis (primeira e segunda geração), eletricidade e compostos derivados da química verde.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone