Dilma desiste de voo comercial e PT freta jato

Publicado em 17/06/2016
Correio Popular em 08/06/2016

 

Prefeitos do bloco regional defendem agilidade no processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT)

AFP. A petista virá visitar o Projeto Sírius, de construção de um acelerador de partículas, no Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM)

 

O PT fretou um jato particular para trazer a presidente afastada Dilma Rousseff à Campinas nesta quinta-feira (9). A decisão foi tomada por medida de segurança. O Palácio do Planalto negou pedido de Dilma Rousseff (PT) para se deslocar até Campinas com um avião da Força Aérea Brasileira (FAB). Havia sido divulgado que a presidente afastada viajaria em um voo comercial, mas assessores e ex-ministros da petista disseram a ela que o risco era grande.
A petista virá visitar o Projeto Sírius, de construção de um acelerador de partículas, no Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Está marcado também um almoço com o diretor do Centro, o professor Rogério Cézar Cerqueira Leite.
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone