Curso atualização em experimentação animal: bem-estar e ética, eutanásia, descarte e métodos alternativos

Publicado em 29/05/2013

Embrapa Meio Ambiente, em 28/05/2013

A Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna, SP), por meio de sua Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUA) promove o curso em experimentação animal visando a atualização em temas importantes da experimentação animal como bem-estar e ética, eutanásia, descarte e métodos alternativos. O curso ocorrerá de 10 a 11 de junho de 2013, na Unidade e terá a coordenação de Vera Castro, pesquisadora e Ana Lúcia Marigo, técnica, ambas da Embrapa Meio Ambiente.

Para Castro, “a capacitação exigida pela legislação veio ao encontro aos anseios dos membros da CEUA da Embrapa Meio Ambiente, que verificaram a necessidade de treinamento apropriado para técnicos e pesquisadores, além dos próprios integrantes da Comissão, para que sejam garantidos procedimentos experimentais com animais baseados em conceitos éticos e de bem estar, além da avaliação da implementação de futuros métodos alternativos no uso de animais em pesquisas científicas”. A pesquisadora lembra que a iniciativa é importante, pois além das questões vinculadas a roedores, serão abordadas as questões relativas à manutenção e experimentação em peixes, assunto pouco difundido.

O objetivo é promover um treinamento abordando conceitos de ética, bem estar, refinamento, além de potencial utilização de métodos alternativos ao uso de animais de laboratório, de alto nível para os seus funcionários e outras unidades interessadas, assim como de instituições parceiras. Pretende-se também avaliar os procedimentos efetuados, a atualização das leis específicas no tema e a difusão das normas de biossegurança. Busca-se, ainda, melhoria de procedimentos de manuseio correto e ético para roedores e peixes, produção e manutenção de animais de qualidade e hígidos, além da eliminação adequada dos dejetos sólidos e de animais mortos.

No primeiro dia haverá palestra sobre gestão da CEUA seguindo a legislação vigente, com Ana Maria Guaraldo, Presidente da CEUA da Unicamp e sobre ética no uso de animais de laboratório, com Carla Forte Molento, coordenadora do Laboratório de Bem Estar Animal da Universidade Federal do Paraná (Labea/UFPR).

Na parte da tarde, serão abordados os métodos alternativos ao uso de animais na experimentação científica, com Marcelo Asprea, Chefe da Área de Cirurgia Experimental e Biotério do Hospital Prof. Dr. Juan P. Garranhan, de Buenos Aires, Argentina e presidente da Associação Argentina de Ciência e Tecnologia em Animais de Laboratório (Aacytal).

Logo após, palestra sobre peixes: bem estar e enriquecimento ambiental, com Cristiane Pizzutto, Presidente da Shape Brasil e sobre descarte apropriado de resíduos animais, com Gesualdo Delfino de Moraes, da área de tratamento de resíduos do serviço de saúde da Stericlycle.

O segundo dia começa com palestra sobre anestesia e eutanásia em animais de laboratório, com Marcelo Asprea e termina com visita aos Laboratório de Ecossistemas Aquáticos e Laboratório de Ecotoxicologia e Biossegurança da Embrapa Meio Ambiente. Haverá também para os interessados uma visita ao LNBio com vagas limitadas.

Para informações e inscrições, acesse a página do evento.

Cristina Tordin
Jornalista, MTB 28499

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone