Conheça os vencedores da 13ª edição do Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica

Publicado em 16/06/2016
Portal MCTI em 09/06/2016

 

Foram escolhidos seis estudantes, além de universidade para receber a láurea. Premiação voltada para bolsistas do PIBIC será entregue em julho, durante a 68ª Reunião Anual da SBPC, em Porto Seguro (BA).

 

Comissões julgadoras da premiação receberam 467 relatórios dos bolsistas para serem analisados. Crédito: Divulgação/CNPq

 

As comissões julgadoras do 13º Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica definiram os vencedores da láurea, referente ao ano de 2015. Os ganhadores das seis categorias de iniciação e da instituição na categoria Mérito institucional receberão as premiações durante a 68ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, que acontece entre 3 e 9 de julho, na Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), em Porto Seguro (BA).

Os vencedores foram: Gleison Adriano da Silva (iniciação científica em ciências exatas, da terra e engenharias), da Universidade Federal do Amazonas (UFAM); Bruna Domingues Vieira (iniciação científica em ciências da vida), do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (Cnpem), entidade vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC); Dezyree Rodrigues da Rosa (iniciação científica em ciências humanas e sociais, letras e artes), da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS); Flávia Arantes Pires Lage (iniciação tecnológica em ciências exatas, da terra e engenharias), da Universidade Federal de Alfenas (Unifal); Fernanda Pinheli (iniciação tecnológica em ciências da vida), da Universidade Federal do Paraná (UFPR); e Luan Souza Dutra (e iniciação tecnológica em ciências humanas e sociais, letras e artes), da Universidade Federal Fluminense (UFF). A premiação na categoria Mérito Institucional foi concedido à Universidade Federal de Lavras (UFLA).

Além da viagem para participar da reunião da SBPC, os laureados vão receber R$ 7 mil em dinheiro e bolsas de mestrado.

Participaram dessa edição 167 instituições de ensino e pesquisa, sendo 127 universidades e 40 institutos de pesquisa. Foram encaminhados ao comitê julgador 467 relatórios dos bolsistas, sendo 192 de ciências exatas, da terra e engenharias; 156 de ciências da vida; e 119 de ciências humanas e sociais, letras e artes.

O prêmio

O Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica é atribuído anualmente e tem como objetivos contemplar bolsistas de iniciação científica e tecnológica do CNPq que se destacaram durante o ano sob os aspectos de relevância e qualidade do seu relatório final, bem como as instituições participantes do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC), que contribuíram de forma relevante para o alcance dos objetivos do programa.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone