Síncrotron investe em novos rumos

Publicado em 15/05/2009

15/05/2009 – Portal RMC

O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS), que há 12 anos consolida Campinas na vanguarda da pesquisa, passa por mudanças estruturais estratégicas. O objetivo delas é tornar o Brasil ainda mais competitivo no cenário mundial da produção científica. Agora, os setores internos ganham o status de centros associados. Um dos novos institutos autônomos é o Centro de Biologia Molecular Estrutural, o CeBiME, que passa agora a contar com uma infraestrutura ágil, independente, para desenvolver projetos que envolvem espectrometria de massas, biologia molecular e cristalização de proteínas.

De acordo com o diretor do CeBiME empossado quinta-feira, o cardiologista Kleber Gomes Franchini, o caráter de centro associado permite aos cientistas a aproximação com profissionais que, dentro da comunidade, têm atuação importante na aplicação prática da tecnologia. Ele deu exemplos recentes de convênios firmados que já rendem frutos. Médicos do Centro Infantil Boldrini firmaram, com o laboratório, um contrato de cooperação científica. “A demanda das pesquisas e o fechamento de novos convênios vão permitir que a estrutura se modernize sem parar e que toda a sociedade colha os benefícios do conhecimento”, afirma o diretor. O status de centro associado ainda vai permitir a aproximação com especialistas internacionais sem que as visitas precisem passar pelo crivo burocrático de uma organização institucional gigantesca.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone