LNLS inicia projeto piloto do laboratório-web

Publicado em 09/11/2009
09/11/2009 – Portal Gestão C&T

O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS) começou a desenvolver recentemente o projeto piloto do Laboratório-Web. A proposta conta com a parceria e recursos da Petrobras. A idéia é criar ferramentas e estratégias que permitam o acompanhamento e a operação remota de experimentos utilizando instrumentações científicas avançadas instaladas no LNLS e, possivelmente no futuro, equipamentos científicos instalados em outras instituições de pesquisa.

Este é o primeiro projeto gerenciado pelo laboratório para a Rede Temática de Nanotecnologia da Petrobras.

De acordo com o LNLS, na primeira fase deverão ser desenvolvidas atividades de avaliação de tecnologias existentes, prospecção de parceiros, desenvolvimento de protótipo e realização de testes. O resultado esperado é a elaboração do projeto detalhado para a implementação do Laboratório-Web.

A coordenadora do projeto e líder do grupo de Difração de Raios X (DRX), Daniela Zanchet, lembra que, além da operação a distância de instrumentação, o projeto objetiva ampliar o papel do LNLS junto à comunidade científica. “Queremos propiciar maior integração entre os usuários por meio de ferramentas web, incentivar maior envolvimento e acesso a novos grupos, além de fortalecer a formação de usuários e grupos de trabalho”, afirma.

Um dos desafios é definir como será a interface de trabalho e qual será o nível de interatividade, que pode variar da simples observação online dos experimentos à operação de todas as suas principais funções. “Nosso desafio é levar uma interface simples e amigável ao usuário remoto, com imagens e sons do ambiente, para que ele tenha a sensação de que está operando o experimento aqui mesmo no LNLS”, ressalta James Piton, do grupo de Software de Operação das Linhas de Luz (SOL).

A equipe do projeto conta com a participação dos grupos DXR e SOL e de membros dos grupos de Espalhamento de Raios X (ERX), do LNLS, e de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), da Associação Brasileira de Tecnologia de Luz Síncrotron (ABTLuS). Informações sobre as ações do LNLS podem ser obtidas no site www.lnls.br.(Com informações do LNLS)