Curso sobre tecnologia de luz síncrotron

SBMM, em 14/07/15

 

Estudantes de 27 diferentes nacionalidades participarão, durante as próximas duas semanas, do São Paulo School of Advanced Sciences on Recent Developments in Synchrotron Radiation – SyncLight 2015. O curso está sendo realizado entre os dias 13 a 24 de julho no Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), em Campinas (SP).

Promovido pelo Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS) em associação com a Sociedade Americana de Física (American Physical Society, APS), e financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), o SyncLight 2015 tem como objetivo apresentar para jovens pesquisadores o que as novas tecnologias de luz síncrotron têm a oferecer em benefício de diferentes áreas de pesquisa.

O evento reúne no CNPEM cerca de 100 participantes, entre recém-graduados e jovens pesquisadores de Mestrado, Doutorado e Pós-doutorado, provenientes de instituições do Brasil e do exterior. Durante duas semanas, esses participantes receberão palestras sobre as novas possibilidades experimentais que surgiram nos últimos anos com a evolução das fontes de luz síncrotron, especialmente aquelas envolvendo feixes de raios X com alto brilho e coerência.

O tema é particularmente relevante para o cenário científico brasileiro, já que o LNLS está atualmente construindo Sirius, que será uma das mais modernas e brilhantes fontes de luz síncrotron em todo o mundo. Um dos objetivos do SyncLight 2015 é exatamente auxiliar na formação de uma nova geração de pesquisadores-usuários, aptos a usufruir dessa grande estrutura científica, que entrará em operação em 2018.

O curso prevê treinamentos nas áreas de Física, Química, Biologia, Geociências, Medicina e Ciência dos Materiais, entre outras. Os tópicos serão apresentados por 21 pesquisadores de relevância em diferentes áreas de atuação, sendo 14 deles estrangeiros e 7 brasileiros. Estão previstos, ainda, tutoriais sobre diversas técnicas experimentais em fontes de luz síncrotron, que serão ministrados pelos pesquisadores do LNLS nas linhas de luz (estações experimentais) do laboratório.

O SyncLight 2015 faz parte da modalidade Escola São Paulo de Ciência Avançada (ESPCA), da FAPESP, que oferece recursos para a organização de cursos de curta duração em diferentes áreas do conhecimento no Estado de São Paulo.

Sobre o CNPEM
O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) é uma Organização Social (OS) qualificada pelo MCTI. Localizado em Campinas (SP), possui quatro laboratórios referências mundiais e abertos à comunidade científica e empresarial. O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS) opera a única fonte de luz síncrotron da América Latina; o Laboratório Nacional de Biociências (LNBio) desenvolve pesquisas em áreas de fronteira da Biociência, com foco em biotecnologia e fármacos; o Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia de Bioetanol (CTBE) investiga novas tecnologias para a produção de etanol celulósico; e o Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano) realiza pesquisas com materiais avançados, com grande potencial econômico para o país. Os quatro laboratórios têm, ainda, projetos próprios de pesquisa e participam da agenda transversal de investigação coordenada pelo CNPEM, que articula instalações e competências científicas em torno de temas estratégicos.

Sobre o LNLS
O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS) integra o Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), uma organização social qualificada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). Localizado em Campinas (São Paulo), o LNLS é responsável pela operação da única fonte de luz sincrotron da América Latina, aberta ao uso das comunidades acadêmica e industrial. O sincrotron brasileiro possui hoje 18 estações experimentais – chamadas linhas de luz –, voltadas ao estudo de materiais orgânicos e inorgânicos por meio de técnicas que empregam radiação eletromagnética desde o infravermelho até os raios X. O LNLS está neste momento construindo o Sirius, uma fonte de luz sincrotron de quarta geração, planejada para ser uma das mais avançadas do mundo. Sirius abrirá novas perspectivas de pesquisa em áreas como ciência dos materiais, nanotecnologia, biotecnologia, física, ciências ambientais e muitas outras.

Serviço:
Evento: São Paulo School of Advanced Sciences on Recent Developments on Synchrotron Radiation
Data do evento: 13 a 24 de julho de 2015
Local: Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS/CNPEM), em Campinas, SP
Website: pages.cnpem.br/synclight2015

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone