Confira as atividades e as oportunidades de 12 a 18 de setembro

MCTI, em 11/09/2015

 

Olimpíada da Matemática, encontro sobre mudanças climáticas, pós-graduação em meteorologia, iniciação científica, debate internacional sobre produção de alimentos, preservação de acervos de ciência e tecnologia são alguns dos temas presentes na agenda científica da semana. Confira.

 

Crédito: Ascom do MCTI

Olimpíada de Matemática

Será realizada neste sábado (12) a segunda fase da 11ª Olimpíada de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). Participam os estudantes classificados na primeira fase, que foi realizada em 2 de junho. O exame será realizado às 14h30 (horário de Brasília) em 9.292 mil Centros de Aplicação, distribuídos em todos os estados da federação. A lista de classificados e os locais de prova podem ser consultados no site www.obmep.org.br. Foram selecionados para a segunda etapa 888.822 alunos de 42.311 escolas públicas de todo o País.

Mudanças climáticas

Será realizado na segunda-feira (14), no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe/MCTI), em São José dos Campos (SP), o Encontro com a Comunidade: Mudança do Clima. Na ocasião, pesquisadores, professores e estudantes vão discutir as projeções climáticas com os líderes do Painel Intergovernamental sobre Mudança do Clima (IPCC), das Nações Unidas. Quem quiser participar do encontro deve fazer a inscrição no site do Inpe. O evento é gratuito e as vagas são limitadas.

Pós-graduação em Meteorologia

Termina na terça-feira (15) o prazo de inscrições para 14º Encontro dos Alunos de Pós-graduação em Meteorologia do CPTEC/Inpe. O evento será realizado entre os dias 28 e 30 de setembro em Campos de Jordão (SP) para divulgação das pesquisas desenvolvidas pelos alunos da pós-graduação. Para mais informações, visite o site do evento.

Pesquisa e Iniciação Científica

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) realiza, entre os dias 15 e 17, no seu auditório, em Brasília, o 7º Seminário de Pesquisa e  o 7º Encontro de Iniciação Científica. Serão apresentadas pesquisas sobre manejo e conservação da biodiversidade e gestão socioambiental. O diretor do Instituto Mamirauá, Helder Queiroz, vai participar da mesa redonda “Manejo e participação social em Unidades de Conservação na Amazônia”.

CBPF seleciona

Termina na quarta-feira (16) o prazo para envio de documentos dos candidatos ao cargo de diretor do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF). O processo de seleção é composto por análise dos currículos, documentos e propostas dos candidatos, exposição oral pública das propostas e entrevista individual pelo comitê de especialistas. A lista com as inscrições homologadas será publicada no site do MCTI, e enviada aos candidatos.

Encontro de usuários do LNLS

O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS/MCTI) realiza, nos dias 16 e 17, a 25ª Reunião Anual de Usuários, o mais importante encontro da comunidade de pesquisa com luz síncrotron do país. O objetivo é incentivar o debate científico e a troca de experiências, além de consolidar a comunidade de pesquisadores do LNLS. A RAU também é uma importante oportunidade para que os alunos de pós-graduação apresentem resultados de pesquisas realizadas com o apoio da infraestrutura do LNLS.

Cone Sul

O Seminário Internacional Cone Sul será realizado nos dias 17 e 18, em Brasília. Promovido pelo Instituto Fórum do Futuro, pelo Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) e pelo Grupo de Países do Sul, o objetivo é debater o crescimento da demanda mundial por alimentos e os desafios dos países produtores. As discussões podem subsidiar políticas públicas e o posicionamento dos países produtores do Cone Sul no comércio internacional de alimentos. Participam especialistas, gestores e pesquisadores do agronegócio do Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai. Mais informações no site.

Mestrado em Preservação de Acervos

Estão abertas, até o dia 30, as inscrições para a turma de 2016 do Mestrado Profissional em Preservação de Acervos de Ciência e Tecnologia do Museu de Astronomia e Ciências Afins (MAST/MCTI). O curso é direcionado a profissionais com diploma de licenciatura plena ou bacharelado, obtido em instituições de ensino superior reconhecidas pelo MEC. Os interessados podem se inscrever no MAST. O Mestrado possui duas linhas de pesquisa: Acervos, História e Divulgação e Acervos, Conservação e Processamento. O curso é diurno e tem duração de dois anos. Para mais informações acesse o edital.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone