Comitiva da ABDI visita o CNPEM e seus Laboratórios Nacionais

Portal do MCTI em 23/07/2015

Uma comitiva da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) visitou o Centro Nacional de Pesquisa em Energia em Materiais (CNPEM) na última quarta-feira (22). O grupo reuniu-se com o diretor-geral do CNPEM, Carlos Américo Pacheco, e visitou as instalações dos quatro Laboratórios Nacionais integrantes do Centro: o de Luz Síncrotron (LNLS), de Biociências (LNBio), de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE) e de Nanotecnologia (LNNano). Os representantes da ABDI também participaram de uma reunião com membros da diretoria do CNPEM para iniciar a definição de uma agenda conjunta e a celebração de um acordo de cooperação técnica entre o CNPEM e a ABDI, visando a atenção conjunta na promoção da inovação e do desenvolvimento tecnológico da indústria brasileira.

Representaram a ABDI nesta visita: Maria Luisa Campos Machado Leal, diretora de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação; Carla Maria Naves Ferreira, gerente de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação; Cynthia Araújo N. Mattos, coordenadora de Promoção e Inovação; Maria Sueli Soares Felipe, coordenadora de Desenvolvimento Tecnológico e Sustentabilidade; Claudionel de Campos Leite, especialista em projetos; e Rodrigo Alves Rodrigues, analista de projetos.

ABDI

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) foi criada pelo Governo Federal, em 2004, com o objetivo de promover a execução da política industrial, em consonância com as políticas de ciência, tecnologia, inovação e de comércio exterior. Ligada ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), a Agência atua como elo entre o setor público e privado, contribuindo para o desenvolvimento sustentável do País por meio de ações que ampliam a competitividade da indústria.

Cnpem

O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (Cnpem) é uma organização social qualificada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). Localizado em Campinas-SP, o Centro possui quatro laboratórios referências mundiais e abertos à comunidade científica e empresarial. O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS) opera a única fonte de luz Síncrotron da América Latina e está, nesse momento, construindo Sirius, o novo acelerador brasileiro, de quarta geração; o Laboratório Nacional de Biociências (LNBio) desenvolve pesquisas em áreas de fronteira da biociência, com foco em biotecnologia e desenvolvimento de fármacos; o Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia de Bioetanol (CTBE) investiga novas tecnologias para a produção de etanol celulósico; e o Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano) realiza pesquisas com materiais avançados, com grande potencial econômico para o país. Os quatro Laboratórios têm, ainda, projetos próprios de pesquisa e participam da agenda transversal de investigação coordenada pelo CNPEM, que articula instalações e competências científicas em torno de temas estratégicos.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone