Comissão de Avaliação e Acompanhamento do MCTI visita o CNPEM

oficial-Comissão

A Comissão de Avaliação e Acompanhamento do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) visitou, neste sábado, dia 8 de agosto, as instalações do CNPEM e de seus Laboratórios Nacionais: o de Luz Síncrotron (LNLS), de Biociências (LNBio), de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE) e de Nanotecnologia (LNNano).

Instituída pela Portaria MCTI nº 308, de 8 de maio deste ano, a Comissão tem como objetivo avaliar projetos e programas em ciência, tecnologia e inovação. Rogério Cezar de Cerqueira Leite preside a Comissão que é constituída por Kleber Franchini, Diretor do LNBio; Luiz Davidovich, Professor da UFRJ e membro da Academia Brasileira de Ciências; Helena Nader, Presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC); e Oswaldo Luiz Alves, Professor da Unicamp e também membro da Academia Brasileira de Ciências. Além destes membros, na visita ao CNPEM, a Comissão contou com a participação do Prof. Jorge Almeida Guimarães, ex-Presidente da Capes, assessor especial da Comissão e também membro da Academia Brasileira de Ciências.

A Comissão visa promover a articulação entre as atividades e as agendas das secretarias e órgãos vinculados ao MCTI, frente ao atendimento das demandas de competitividade e inovação das políticas econômicas sociais nacionais; avaliar o desempenho, eficiência, eficácia e efetividade das políticas públicas de ciência, tecnologia e inovação; assim como ordenar novas práticas institucionais, necessárias às dinâmicas de atendimento da condução das ações e programas de ciência, tecnologia e inovação.

“Essa comissão tem que pensar como se estivesse fora do sistema, analisando as coerências e as incoerências que existem atualmente”, analisa Rogério Cezar de Cerqueira Leite, “as necessidades do país mudam e a própria ciência muda, por isso, de tempos em tempos, é necessário criar uma comissão com esse espírito”, completa.

O CNPEM

O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) é uma organização social qualificada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). Localizado em Campinas-SP, possui quatro laboratórios referências mundiais e abertos à comunidade científica e empresarial. O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS) opera a única fonte de luz Síncrotron da América Latina e está, nesse momento, construindo Sirius, o novo acelerador brasileiro, de terceira geração, para análise dos mais diversos tipos de materiais, orgânicos e inorgânicos; o Laboratório Nacional de Biociências (LNBio) desenvolve pesquisas em áreas de fronteira da Biociência, com foco em biotecnologia e fármacos; o Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia de Bioetanol (CTBE) investiga novas tecnologias para a produção de etanol celulósico; e o Laboratório Nacional de Nanotecnologia (LNNano) realiza pesquisas com materiais avançados, com grande potencial econômico para o país. Os quatro Laboratórios têm, ainda, projetos próprios de pesquisa e participam da agenda transversal de investigação coordenada pelo CNPEM, que articula instalações e competências científicas em torno de temas estratégicos.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone