Eixo 2: pesquisa e desenvolvimento in-house

Reflete o envolvimento de pesquisadores internos em investigações de alto nível, em áreas de fronteira, equiparando o CNPEM a centros de ciência e tecnologia de classe mundial. A Pesquisa e Desenvolvimento in-house implica em execução de programas de pesquisa básica, aplicada e de desenvolvimento experimental definidas internamente ou por instâncias governamentais.

eixo 2 - geral 2015

Atualmente o CNPEM conta com um quadro de 81 pesquisadores, sendo seis em tempo parcial, dedicados às atividades de pesquisa.

Em 2015, foram publicados 142 artigos científicos indexados na base Web of Science. Deste total, 74 artigos (52%) foram classificados pelo Journal of Citation Report como pertencentes ao primeiro quartil, Q1. Ou seja, consideradas as respectivas áreas de conhecimento, tais artigos foram publicados nas revistas mais influentes de sua área. Esse conjunto de publicações apresenta mediana do fator de impacto de 3.2 e fator de impacto máximo de 11.54.

As atividades de pesquisa interna são fortalecidas pelas colaborações celebradas com outras instituições de pesquisa, nacionais e internacionais. Atualmente são 32 acordos vigentes. Apenas em 2015, o CNPEM consolidou nove novos acordos apresentando escopo diversificado: utilização de resíduos orgânicos (Forschungzentrum Jülich GmbH), produção de bioenergia (Unicamp), eletricidade à base da queima da cana de açúcar (Programa das Nações Unidas para o Desenolvimento), métodos alternativos ao uso de animais (INMETRO), moléculas bioativas em organismos marinhos (USP), aproveitamento das cinzas da cana de açúcar para fertilizantes e reforço de polímeros (Instituto Fraunhofer), língua eletrônica (Associação Pró Ensino em Santa Cruz do Sul), sensores para as áreas da saúde e meio-ambiente (Instituto de Biologia Molecular o Paraná) e pesquisa integrada para o uso do Sirius (Unicamp).

Outro importante resultado de ano foi a elaboração de 22 novos memorandos técnicos, disponíveis ao público na página do CNPEM. Deste total, nove documentos abordam tecnologias diretamente associadas ao Projeto Sirius.

eixo2 - tabela 2015

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone