Brasil sediará reunião para celebrar Ano da Cristalografia

Publicado em 28/08/2014
Portal Brasil, em 28/08/2014

 

Evento será realizado entre 22 e 24 de setembro, no Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais, em Campinas (SP)

 

O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (Cnpem), em Campinas (SP), sediará entre os dias 22 e 24 de setembro o evento ‘Latin American Summit Meeting on Biological Crystallography and Complementary Methods‘ (Reunião de Cúpula Latino-Americana sobre cristalografia biológica e métodos complementares, em tradução livre).

O evento faz parte da programação oficial do Ano Internacional da Cristalografia (IYCr2014), promovido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e pela União Internacional de Cristalografia (IUCr).

O encontro em Campinas será voltado à cristalografia biológica, área que investiga principalmente cristais de proteínas para compreender processos biológicos, desvendar o desenvolvimento de doenças e, também, desenvolver novas terapias e fármacos.

O evento pretende avaliar os avanços atingidos nos últimos anos na área de cristalografia aplicada a fenômenos biológicos. Também busca a integração e soluções para os gargalos que dificultam a realização de pesquisas científicas competitivas nos países em desenvolvimento.

A palestra de abertura do encontro será feita por Ada Yonath, ganhadora do Prêmio Nobel de Química de 2009. Natural de Israel, Ada recebeu o prêmio graças aos seus trabalhos pioneiros sobre a estrutura e função do ribossomo, que empregaram a cristalografia de raios-X para mapear a posição dos átomos nessas estruturas. A palestrante também participará do Workshop on Thermodynamics, Disequilibrium and Evolution (TDE 2014), na área de astrobiologia.

Cristalografia

De forma direta e indireta, a cristalografia está presente no trabalho de 45 cientistas vencedores do Nobel – das áreas de fisiologia, biologia, química, física. Trata-se, portanto, de uma área transversal e fundamental a todas as ciências.

A cristalografia tem como principal objeto desvendar a disposição de átomos em estruturas cristalinas sintéticas ou naturais. Os resultados de estudos da área são fundamentais para o desenvolvimento de novos materiais e beneficiam empresas das áreas farmacêutica, cosmética, agrícola, alimentar, dentre outras.

Sobre o Cnpem

O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais é a nova denominação da Associação Brasileira de Tecnologia de Luz Síncrotron (ABTLuS). A organização social é responsável pela gestão de quatro laboratórios, dentre os quais:

  • Laboratórios Nacionais de Luz Síncrotron (LNLS)

O LNLS opera a única fonte de luz Síncrotron da América Latina e um conjunto de instrumentações científicas para análise dos mais diversos tipos de materiais, orgânicos e inorgânicos.

  • Laboratório de Biociências (LNBio)

O laboratório de biociências desenvolve pesquisas em áreas de fronteira da Biociência, com foco em biotecnologia e fármacos

  • Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE)

O CTBE investiga novas tecnologias para a produção de etanol celulósico;

  • Laboratório de Nanotecnologia (LNNano)

O LNNano realiza investigações com materiais avançados, com grande potencial econômico para o País.

Os quatro Laboratórios têm, ainda, projetos próprios de pesquisa e participam da agenda transversal de investigação coordenada pelo Cnpem, que articula instalações e competências científicas em torno de temas estratégicos.

 

Repercussão: Jornal Dia Dia, Gazeta 24 Horas

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone