BNDES apoia com projeto de desenvolvimento de tecnologia para etanol

Publicado em 18/03/2014

Portal MCTI, em 14/03/2014

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou apoio financeiro não reembolsável de R$ 21,9 milhões para o desenvolvimento de uma tecnologia de conversão da biomassa de cana-de-açúcar em etanol. O repasse será feito ao Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), organização social vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

Os recursos correspondem a 90% do total a ser investido no projeto. As pesquisas usarão a rota de hidrólise enzimática para quebrar a celulose em açúcares a serem posteriormente fermentados por micro-organismos geneticamente modificados. O etanol produzido neste processo é conhecido como de 2ª geração.

A contrapartida ficará por conta das empresas Dow Brasil Sudeste Industrial Ltda. e DSM South America Ltda, responsáveis pelos 10% restantes.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Email this to someone